Fórum

O Fórum Inter-Religioso organizado pelo nosso Observatório, de 2007 a 2017, articulou na UNICAP uma série de encontros mensais de animadores das tradições religiosas da região, para re-conhecimento humano da fé e exercício do respeito à diversidade de suas expressões, para reflexão sobre a vivência pluralista do sagrado e ensaio de uma mística trans-religiosa. Após estudar as principais religiões no Recife e também aprofundar temáticas transversais às grandes tradições espirituais (“Religiosidade e educação nas escolas”, “Sacrifício e comparações religiosas”, “Tempos pós-modernos, espaços pós-religiosos?!”, “Devoções religiosas comparadas”), o Fórum da UNICAP se debruçou sobre os desafios teóricos, fenomenológicos e hermenêuticos, para a compreensão crítica e engajada da nossa religiosidade, ensaiando intervenções pedagógicas para aprofundar a promoção do diálogo.

Na celebração de uma década do Fórum, ele decidiu se reconfigurar e o espaço de apoio para reunião das lideranças religiosas transformou-se em um grupo de assessoria para promoção da diversidade e do diálogo, em parceria com articulações autônomas que surgiram pela sua atuação. Pois, na esteira da nossa experiência de encontros e através de estudantes egressos, uma rede de Feiras e Fóruns das Religiões está surgindo em escolas da Região Metropolitana do Recife, com o nosso apoio e para contentamento da gente. Também ajudamos a fundar e participamos do “Fórum Diálogos“, uma associação civil que reúne mais de vinte tradições religiosas e visa colaborar para a construção de uma cultura de paz entre as diversas religiões, refletindo sobre os desafios da liberdade de crenças e convicções e articulando a convivência entre as diversas espiritualidades em Pernambuco.

Veja um panorama histórico do nosso Fórum Inter-religioso por aqui. E veja também as nossas últimas programações: 201220132014.12014.2, 2015.1, 2015.2, 2016.1, 2016.2, 2017, 2017.2

Passando para uma fase mais trans-religiosa do que simplesmente inter-religiosa, o objetivo do grupo de assessoria agora é colaborar para o cultivo de tempos e espaços destinados à escuta, ao silêncio e à meditação sobre as vivências da fé, inclusive nas suas versões pós-religiosas. Promover, assim, exercícios de comunhão com os caminhos espirituais alterativos, no silêncio nutrido pela própria religião e cultura, envolvendo as pessoas em uma atitude trans-religiosa que deve se irradiar entre os educadores e religiosos de Pernambuco. Não é o caso, então, de reunir representantes de religiões pelo prazer de estar juntos ou para acordos de mútua proteção, mas para sentir e pensar o que podemos fazer juntos pelo mundo, sobretudo pela educação humanista das novas gerações e pela promoção de justiça socioambiental.

Nessa nova fase, o Observatório pretende desenvolver uma série de documentários sobre “Conviver: o encontro entre as religiões”. Em eventos programados, alguns membros de uma religião passam um dia convivendo por dentro, comendo junto e celebrando ou observando a celebração de uma religião estranha. Buscando-se, assim, tematizar as possibilidades e dificuldades de encontro entre pessoas de crenças bem diferentes, ensaiando a hospitalidade e acolhimento entre e além das crenças, captando os estranhamentos e as surpresas, detectando os desencontros e algum encontro, conversando com sinceridade sobre os sentimentos diante das pessoas diferentes e dos seus ritos.

Como a minha fé julga aquela gente e a sua religiosidade? Talvez se fale umas coisas no começo do dia e outras no final, para melhor ou para pior… Tudo pode acontecer! A título experimental, promovemos a visita de cristãos ao 6º Dia do Orgulho Pagão no Recife, em 2017. O cristianismo tem um histórico de combate e perseguição às tradições pagãs e indígenas: o que será que aconteceu no Dia?! Desse encontro compartilhamos o documentário piloto a seguir:

E seguindo os links abaixo você terá acesso a subsídios pedagógicos que a equipe preparou para o trabalho de educação religiosa nas escolas, bem como aos dados sobre as principais religiões e igrejas da nossa região – que participaram da primeira década de atividades do Fórum.

Subsídios Pedagógicos

  • O que é religião, por Gilbraz Aragão – Entrar no silêncio acolhedor de uma igreja é, inconscientemente, poder voltar ao útero social da nossa existência. Religião, dizia Kierkegaard, é “paixão infinita”, uma experiência simbólica (seja extraordinária, seja pedagogicamente) própria do coração humano, uma comoção com um poder-a-mais no qual se aposta para fazer frente às mortes tantas que limitam a nossa humanidade. É uma fineza de espírito que nos dilata o imo e arrebata a mente e permite ver além das coisas sensíveis e ser capaz de construir – apesar de – o bom e o belo; sentir-se confiantemente ligado a tudo e a todos… Veja o texto completo aqui.

  • História das religiões, por Karina Bezerra – Os grupos humanos realizaram longas viagens para sobreviver às intempéries da jornada da vida, que outrora era muito mais cheia de mistérios a desbravar. O frio da Era do Gelo, somado à escassez de alimento e ao perigo constante da morte, tornava a vida recheada de desafios a vencer. Foi assim que aos poucos nossos antepassados foram criando as culturas. Em suas grandes caminhadas, cada grupo foi se instalando em um território, ou dando continuidade ao trajeto, em busca de um abrigo melhor. Quando um grupo se sedentariza, começa a criar raízes e até sua aparência física começa a se adaptar à terra. Vão desenvolvendo suas linguagens para se comunicar e ensinar às crianças como eles compreendem a vida. E essa compreensão vai variar: uma aldeia na África, no deserto do Saara, não vai entender o mundo do mesmo jeito que os esquimós, no gelo da Sibéria. São paisagens muito diferentes. Portanto, seus mitos, seus deuses, suas leis, suas noções de certo e errado, serão também muito diferentes. Ou seja, suas culturas/religiões serão muito diferentes. E nenhuma é melhor ou pior do que a outra… Veja o texto completo aqui.

  • Uso pedagógico dos vídeos das religiões, por Luca Pacheco – O nosso Fórum Inter-Religioso produziu vídeos sobre as diversas religiões e aqui apresentamos sugestões importantes para o seu uso pedagógico com grupos na educação. O vídeo é um grande aliado para os educadores, especialmente nos dias atuais, em que as crianças e jovens já nascem imersos na cultura audiovisual, marcada por um grande fluxo de imagens e sons. Os avanços tecnológicos da eletrônica viabilizam o acesso dos educandos, não só aos meios tradicionais como cinema, televisão e rádio, mas também a meios audiovisuais cada vez mais interativos, como o computador, os jogos eletrônicos e as redes sociais. Os jovens vivem grande parte do dia diante de uma tela de computador ou de outro dispositivo eletrônico como o celular equipado com mp3 e acesso à Internet. Esse novo ambiente eletrônico no qual vivem os jovens desenvolve novas formas de compreender… Veja o texto completo aqui.

Informações das Tradições

Nos links seguintes estão disponíveis os vídeos que preparamos com entrevistas e celebrações das religiões que participaram do Fórum na UNICAP: os documentários foram produzidos entre 2005 e 2015, sob direção de Luca Pacheco.

Estamos preparando também, para cada uma, um conjunto de informações: principais crenças e ritos, história na região e personalidades de referência, endereços físicos (no Recife) e endereços virtuais. Acesse a religião do seu interesse e colabore, acrescentando ou corrigindo dados em “Comentários”…

Saiba mais

MOSTRA RELIGIÕES E ÉTICA

TRANSMUTAÇÃO DAS RELIGIÕES

CALENDÁRIO DAS RELIGIÕES

CULTURA, RELIGIÃO E LIBERDADE

PANORAMA DAS RELIGIÕES EM PORTUGAL

PANORAMA DAS RELIGIÕES NO CANADÁ

DIÁLOGO ENTRE CONVICÇÕES NA FRANÇA

PLAYLIST MÍSTICA POPULAR BRASILEIRA

WORLD RELIGIONS DATAWORLD ATLAS

PRINCIPAIS RELIGIÕES NA BIBLIOTECA PATHEOS

FUTURO DAS RELIGIÕES NO CENTRO PEW

LIVRO DO FÓRUM DIÁLOGOS (DIVERSIDADE RELIGIOSA EM PERNAMBUCO) 

CONTATOS DAS RELIGIÕES NO RECIFE

.

..